Qual a melhor dieta para perder peso?!

September 4, 2018

Com tantas informações, às vezes contraditórias, surgem muitas perguntas em relação à nutrição. Uma delas é a seguinte: qual a melhor dieta, a longo prazo, para perder peso?

 

        De acordo com o artigo publicado pela Faculdade de Medicina de Harvard, a comparação realizada no estudo DIETFITS* entre as dietas low-carb (restrição de carboidratos) e low-fat (restrição de gorduras) evidenciou resultados semelhantes para quase todos os aspectos avaliados, desde a perda de peso até a redução dos níveis sanguíneos de açúcar e de colesterol. Então, qual a resposta?

 

*Diet Intervention Examining the Factors Interacting with Treatment Success

 

 

1. O que o DIETFITS recomendou para a perda de peso?

 

O estudo acompanhou, durante um ano, 481 pessoas relativamente saudáveis, que apresentavam sobrepeso ou obesidade. No primeiro mês, todos mantiveram seus hábitos alimentares. Nas oito semanas seguintes, o grupo com dieta low-carb reduziu a ingesta total de carboidrato para 20 g por dia, e o grupo com dieta low-fat reduziu a ingesta total de gordura para 20 g por dia. Essa é uma restrição extrema! Para você ter uma ideia, um iogurte natural de leite e fermento tem, em média, 9 g de carboidrato e 7 g de gorduras totais. Esse tipo de restrição é impossível de manter por um longo período e, como apresentado no estudo, é desnecessário. Após as oito semanas, os participantes foram orientados a elevar gradativamente o consumo de carboidrato e de gordura, até um nível que eles sentiam que poderiam manter por toda a vida.

 

 Além disso, ambos os grupos foram orientados a:

- Comer o máximo possível de vegetais;

- Escolher alimentos integrais, nutritivos, de boa qualidade;

- Limitar qualquer alimento processado ("industrializados");

- Preparar, eles mesmos, a comida em casa;

- Evitar gorduras trans, adição de açúcar e carboidratos refinados, como farinha.

 

2. Não foi pedido, de maneira alguma, que contassem calorias!

 

Durante o ano, os participantes dos dois grupos compareceram a 22 aulas, reforçando essas orientações. Também tiveram acesso a profissionais da saúde que os guiaram em estratégias para mudança de comportamento, como traçar objetivos, aprender a lidar com suas emoções e a desenvolver a força de vontade.

 

Utilizando redes de apoio, evitaram voltar aos padrões alimentares que não eram saudáveis. Todos os participantes foram encorajados a cumprir as recomendações atuais para a prática de exercícios: 150 minutos por semana de exercício físico com intensidade moderada a intensa.

 

3. No final das contas, os resultados alcançados pelos dois grupos foram muito semelhantes!

É interessante observar que dietas tão diferentes, que levam a uma escolha de comidas tão distintas, na prática, não se apresentaram como uma dieta certa ou errada, melhor ou pior.

 

A dieta dos dois grupos foi considerada saudável, e isso aconteceu por causa do estímulo ao consumo de alimentos de boa qualidade, de grãos integrais e de vegetais à vontade, evitando farinha, açúcar, gordura trans e alimentos processados.

 

O incentivo à prática de exercício físico e a um estilo de vida ativo também foi fundamental para os dois grupos. Por último, e muito importante também, todos tiveram acesso a um acompanhamento focado nas mudanças de comportamento, não na perda de peso ou na contagem de calorias. Dessa maneira, o estudo revelou uma mudança de estilo de vida saudável, que reflete em uma perda de peso possível de ser realizada e mantida a longo prazo!

 

4. Conclusão

 

A mensagem que fica é a seguinte: a melhor dieta é aquela que podemos manter por toda a vida, e ela é apenas uma parte de um estilo de vida saudável. Devemos ser fisicamente ativos (no mínimo, 2 horas e 30 minutos de exercício físico por semana), e aprender a manejar o estresse, evitando determinados padrões alimentares e a sobrecarga física e mental.

 

Se ficar com alguma dúvida, ou se quiser sugerir algum tema para os próximos posts, nos escreva (contato@dracamilalima.com)!

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

Dica: A maternidade e o encontro com a própria sombra

October 18, 2018

1/10
Please reload

Posts Recentes

December 20, 2018

October 1, 2018

September 19, 2018

September 4, 2018

Please reload

Arquivo
Please reload

Procurar por tags