Esporte e Medicina Chinesa

September 26, 2016

As ventosas chinesas ficaram famosas por conta da olimpíada do Rio, pois os atletas exibiram as marcas roxas que elas podem deixar e despertaram a curiosidade dos expectadores. As ventosas são uma das técnicas da medicina tradicional chinesa, além da acupuntura, e são utilizadas há mais de três mil anos pelos orientais. Para os atletas e praticantes de exercícios físicos, a medicina chinesa é uma excelente aliada no tratamento de lesões, na recuperação dos treinos e no preparo emocional para as competições. Dessa forma, pode ser útil tanto na esfera física (liberação muscular, redução da dor e da fadiga) quanto na mental (concentração, capacidade de tomar decisões, serenidade).

 

 

Mas porque pode ficar roxo?

 

As ventosas são aplicadas a vácuo, sugando a pele e a musculatura abaixo dela. Elas ficam paradas ou são deslizadas sobre a pele lubrificada com óleo corporal, desfazendo os nódulos de tensão e dando a sensação de uma massagem relaxante, geralmente sem deixar marcas. Quando ficam paradas por alguns minutos, levam ao acúmulo de sangue e formam o hematoma. Quanto mais forte a sucção e mais longo o período que ficar parada, mais intensa será a marca, que, mesmo assim, desaparece em questão de dias.

 

 

 

 

 

Na foto, o nadador dos Estados Unidos Michael Phelps, que ganhou 5 medalhas de ouro nas olimpíadas Rio-2016, exibe as marcas dessa técnica. É interessante observar que a medicina chinesa é reconhecida e valorizada nos países ocidentais de primeiro mundo e que alcança uma posição de valor como essa: dar suporte aos atletas olímpicos.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

Dica: A maternidade e o encontro com a própria sombra

October 18, 2018

1/10
Please reload

Posts Recentes

December 20, 2018

October 1, 2018

September 19, 2018

September 4, 2018

Please reload

Arquivo
Please reload

Procurar por tags